domingo, 12 de abril de 2015

Iniciados: G. D. Alfarim 2 X Alcacerense 3

Tivesse sido hoje o primeiro jogo e talvez o percurso tivesse sido diferente…!
O que se assistiu hoje no Complexo Desportivo de Alfarim no jogo dos Iniciados frente à formação do Alcacerense, quase que se pode resumir numas das mais célebres frases do poeta Fernando Pessoa: “Deus quer, o Homem sonha e a obra nasce.”!
E hoje foi exactamente o resultado do querer e do sonho que se transformou numa magnífica partida de futebol. Foi, de longe, o melhor jogo do campeonato, uma partida disputada frente a um adversário, teoricamente, mais forte, que foi, no entanto, jogada num “mano a mano” fazendo tremer a formação alentejana.
O Alfarim dominou o jogo, teve sobejamente mais posse de bola, manteve uma defesa forte e coesa e procurou as redes do adversário com garra e determinação.
Sofremos o primeiro golo aos 5’ e o segundo 10´ depois, este numa jogada claramente irregular, uma vez que foi marcado em situação de fora de jogo mas…é assim…a arbitragem às vezes também tem dias menos positivos, todos erramos e a malta em Alfarim não é de ressentimentos, sabe perdoar!
Aos 19’ do desafio o Alfarim reduz a desvantagem, marcando um oportuno golo pelo pé de Bruno Correia.
A segunda parte iniciou-se pelas 11h20 e 5’ depois Rodrigo Marques sofre falta na grande área ganhando grande penalidade. Chamado a marcar foi o Capitão Fernando Veríssimo que pôs o marcador na igualdade, levando ao rubro a assistência azul e amarela.
De referir que este golo foi dedicado ao colega Gonçalo Coelho que assistia na bancada em virtude de se encontrar lesionado.
Foi aos 30’ que o Alcácer conseguiu levar a melhor marcando o terceiro e posicionando-se novamente na frente.
Já em período de compensação de tempo, Leonardo Ribeiro faz o último remate à baliza, passando o esférico rente ao poste!
Acabou-se com um gostinho amargo na boca, com uma sensação de se ter morrido na praia, e isto porque o desempenho mostrado hoje era merecedor de uma vitória.
Por tudo o que assistimos, pelo belo espectáculo que nos proporcionaram, estão TODOS de parabéns, quem jogou, quem ficou no banco, todos sem exceção.
Parabéns, também, Mister Nuno, esta semana mostrou-nos uma equipa de guerreiros!
Deixo-vos novamente com as palavras de Pessoa, que vos sirvam de conforto e inspiração:
“Não é o trabalho, mas o saber trabalhar, que é o segredo do êxito no trabalho. Saber trabalhar quer dizer: não fazer um esforço inútil, persistir ao esforço até ao fim, e saber reconstruir uma orientação quando se verificou que ela era, ou se tornou errada.”

Parabéns!

Anabela Pinto Coelho

Sem comentários: